O atendimento nutricional é o principal meio pelo qual o profissional de nutrição pode construir uma dieta alimentar adequada para seu paciente. Esse atendimento pode ser tanto de forma online como presencial, sempre vai depender do profissional.

No entanto, você pode estar se perguntando: como fazer um atendimento nutricional de qualidade? Desde a conversa com o paciente até a montagem do plano alimentar, há muitos cuidados que o nutricionista deve se atentar.

Por isso, nesse texto iremos trabalhar mais sobre o atendimento nutricional e como ele deve ser feito. Boa leitura!

 

cta-adipometro-leitura-direta-dobra-cutanea-triceps

 

O Que É o Atendimento Nutricional? 

Como você deve saber, o atendimento do nutricionista nada mais é do que a abordagem completa realizada pelo nutricionista com o objetivo de avaliar o estado nutricional do paciente para que seja possível  oferecer um guia alimentar o mais adequado possível. 

Para que o atendimento nutricional seja eficiente e de qualidade, vale ressaltar que deve ser feito primordialmente por um nutricionista. Esse é o principal especialista preparado para realizar uma avaliação nutricional, visto que é sua especialidade;

 

Quem Deve Passar Pelo Atendimento Nutricional? 

Toda e qualquer pessoa que deseja passar por um processo de reeducação alimentar deve procurar um atendimento nutricional.

Além disso, pessoas com condições mais específicas, por precisarem de cuidados especializados e terem limitações na dieta, devem sempre ter um acompanhamento nutricional. São elas, por exemplo:

  • Pessoas com diabetes;
  • Indivíduos com hipertensão;
  • Pessoas com problemas cardiovasculares no geral;
  • Indivíduos com problemas digestivos;
  • Pessoas obesas;
  • Indivíduos que vão fazer ou fizeram uma cirurgia bariátrica.

 

Como Deve Ser Feito o Atendimento Nutricional? 

O processo de atendimento nutricional realizado pelo nutricionista deve seguir um fluxo de etapas bem definidas. Por isso, iremos falar como ele é feito.

 

Converse Com o Paciente

Em primeiro lugar, é muito importante conversar com seu paciente. Você pode optar por realizar isso de forma online ou presencial, vai depender de você.

O mais importante é ser sempre simpático e compreensivo para que seu paciente se sinta em um ambiente confortável para compartilhar todas as informações que você precisa saber.

Essa etapa, que também envolve a anamnese, vai ser responsável por reunir dados muito importantes. Entre esses pontos, está a coleta de informações sobre os hábitos do paciente, como:

  • Locais e horários de alimentação;
  • Preferências alimentares;
  • Ingestão de bebidas alcoólicas e drogas;
  • Uso de medicamentos

Entender a cultura e o costume do paciente vai ser essencial para criar um plano alimentar que se encaixe bem no seu contexto e seja mais fácil de seguir. 

 

Conheça o Histórico e Peça Exames

Ainda dentro do processo de conhecimento do paciente, é preciso identificar todo o histórico familiar do indivíduo para saber quais são as predisposições e tendências que interferem na alimentação.

Junto a isso, os exames laboratoriais são de extrema importância, afinal são responsáveis por apresentar possíveis carências ou alterações metabólicas no corpo. O nutricionista deve sempre pedir exames pertinentes que serão importantes para criar o plano alimentar ideal.

 

Faça Uma Avaliação Antropométrica

atendimento-nutricionla-avaliacao-antropometrica

Após conversar e entender, de forma profunda, a situação do paciente, é preciso partir para a avaliação antropométrica. Ela vai ser responsável por informar todas as medidas corporais do paciente no que diz respeito ao tamanho, a forma e a composição.

Essas medidas não só servem para apresentar a condição que o paciente se encontra antes da dieta, mas também vai servir como base para observar a evolução dele enquanto for acompanhado pelo nutricionista.

Nesse momento, além de coletar informações como o peso e altura, será feita a medida das principais circunferências corporais e a checagem do percentual de gordura corporal, bem como da hidratação do corpo. 

Para uma avaliação antropométrica de qualidade, alguns dos principais equipamentos usados são, entre outros, o estadiômetro, o adipômetro e a bioimpedância. 

 

Estadiômetro

O Estadiômetro, que serve para medir a altura, é a ferramenta mais precisa para oferecer essa informação. No mercado, há opções de estadiômetros fixos, como estadiômetros portáteis e estadiômetros compactos.

 

Adipômetro

Adipômetro é o equipamento usado para fazer medidas exatas das dobras cutâneas com a camada subjacente de gordura. Esse é um dos meios pelo qual o nutricionista vai identificar a quantidade de gordura corporal atual do paciente.

Algumas das dobras cutâneas medidas pelo adipômetro são o tríceps (TR); subescapular (SB) e bíceps (BI).

 

 

 

Bioimpedância

Por fim, a bioimpedância é um aparelho altamente moderno que vai oferecer uma medição completa dos índices corporais, o que possibilita uma avaliação mais aprofundada.

Alguns dos dados informados por ela são a massa magra e gorda, ângulo de fase, hidratação e metabolismo basal.

 

 

 

Defina as Necessidades e Objetivos do Paciente 

O que motiva um paciente a procurar um atendimento nutricional é um elemento extremamente importante para a eficiência de uma dieta. Por isso, entender o que o paciente quer vai envolver escutar quais são as expectativas dele.

Assim, ao reunir as vontades do paciente com os seus dados alimentares e valores antropométricos, se torna possível e bem mais fácil traçar os objetivos práticos dele. 

Ao receber a avaliação, o nutricionista vai combinar, junto com ele, as principais metas para esse trabalho de acompanhamento nutricional. 

 

Monte Um Plano Alimentar

atendimento-nutricional-plano-alimentar

Por fim, é chegado o momento de criar um plano alimentar. O nutricionista vai criá-lo considerando sempre os objetivos,a idade, as preferências e a condição fisiológica do paciente.

Em alguns casos, o paciente pode precisar de uma reeducação alimentar. Nesse contexto, o paciente vai precisar aprender a abandonar, de forma gradual, hábitos alimentares negativos e, substituir, também lentamente, novos comportamentos alimentares.

De uma forma geral, o plano alimentar montado dentro de um atendimento nutricional vai envolver aspectos como:

  • Orientações nutricionais;
  • Alimentos permitidos,
  • Variedade de opções;
  • Produtos que devem ser priorizados;
  • Referências diárias de hidratação. 

É comum que o nutricionista tenha um prazo mínimo para fazer a montagem desse plano antes de entregar ao paciente.

 

cta-adipometro-leitura-direta-dobra-cutanea-triceps

 

Conclusão

Nesse artigo você pode entender de forma mais aprofundada o que é um atendimento nutricional e como ele deve ser feito. Quanto mais detalhado você for, melhor será o resultado do seu plano alimentar!

By Published On: 1 de dezembro de 2021Categories: Saúde e Bem Estar0 Comments

Compartilhar

Leave A Comment